MED_Hungría más allá de Budapest

A Hungria é um belo país situado ao leste da Europa repleto de belas cidades, vilarejos encantadores e lugares naturais que nos deixam sem fôlego. Embora seja verdade que turisticamente a sua monumental capital, Budapeste, fique merecidamente com todas as glórias, também é verdade que há uma Hungria desconhecida que se você tiver a oportunidade não deve deixar de visitar.

A uns quantos quilômetros de Budapeste temos Szentendre, uma pequena localidade composta por casas pitorescas e inúmeros centros de arte e museus que a tornam muito atrativa, sendo um ponto de visita obrigatório. Seus principais pontos de atração são a Catedral, o museu Kovacs Margit e o Szabó. Ao leste, a 150 quilômetros de Budapeste, encontraremos a cidade de Eger, um destino magnífico, com aspecto mediterrâneo e grande influência barroca em suas construções. O Castelo Eger domina a cidade e a partir de suas muralhas podemos desfrutar de uma vista maravilhosa para todo o centro histórico. A cidade também é famosa pelos seus vinhos tintos e, por isso, convém visitar alguma de suas adegas para degustar seus diferentes vinhos. Passear pela Praça Dobó e pela Rua Széchenyi, com seus charmosos cafés, é um verdadeiro privilégio, assim como visitar o Museu de Cera ou o Museu da Prisão. Destaca-se o edifício barroco da Igreja de Minorite, uma das igrejas barrocas mais bonitas do mundo.

Ao sudoeste de Budapeste localiza-se a cidade de Pècs. Alberga uma das universidades mais antigas da Europa, de 1367, a Universidade de Pècs. Além de ter sido um importante núcleo do cristianismo séculos atrás, deixou-nos como herança uma grande necrópole declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco, formada por 16 monumentos simplesmente incríveis. Nessa cidade poderemos visitar o Museu de Porcelana Zsolnay e o Museu Csontváry, em homenagem a esse pintor, assim como a interessante Basílica de São Pedro. Gödöllő é uma cidade pequena, a uns 30 km de Budapeste, e muito popular entre os turistas que desejam conhecer e visitar a residência barroca da dinastia dos Habsburgo, construída nos anos quarenta do século XVIII por Antal Grassalkovich, um aristocrata na corte de Viena, que manteve relações de proximidade com a dinastia real e foi amigo da famosa Imperatriz Sissi.

Martonvásár é uma pequena e tranquila cidade a poucos quilômetros de Budapeste onde, em seu centro, você encontrará um dos parques mais bonitos e mais silenciosos que já visitou, o parque que rodeia a residência Brunswick.  Vác é a maior cidade nos arredores de Budapeste localizada na margem esquerda do Danúbio. Não deixe de visitar sua ponte de pedra, sua catedral de estilo neoclássico, nem seu Arco do Triunfo, o único de toda a Hungria, construído em 1764 para homenagear a visita da Imperatriz Sissi à cidade de Vác.

A Hungria esconde muitos encantos e atrações além de sua famosa capital, Budapeste, que também é espetacular. No entanto, essa nação do leste europeu realmente merece uma viagem longa para conhecê-la em todas as suas dimensões.

 

A Hungria é um dos destinos mais atrativos da Europa Central e do Mediterrâneo devido às suas águas termais e seus inúmeros balneários, por isso, sua capital, Budapeste, também é conhecida como “a cidade dos balneários”. A IBEROSTAR Hotels & Resorts conta com um hotel em Budapeste: o IBEROSTAR Grand Hotel Budapest, de 5 estrelas, localizado em uma área privilegiada, rodeado de importantes edifícios, embaixadas e zonas comerciais. Construído no ano de 2011 seus quartos são de um luxo indiscutível.”