MED_El mejor goulash de Budapest

A gastronomia húngara caracteriza-se pelo uso generalizado das especiarias, por servir rações generosas e por sua variedade, embora seja necessário dizer que praticamente não existe peixe, excetuando-se o salmão. Apesar de a páprica ser a estrela entre os temperos, seus pratos não são tão apimentados como poderíamos pensar.

O prato estrela é o Goulash, um guisado de carne, muito parecido a um estufado, porém mais picante e com outras verduras. É muito gostoso além de ser obrigatório experimentá-lo, inclusive para os menos amantes da carne, no entanto, é conveniente não pedi-lo em qualquer lugar! Como quase sempre acontece nas grandes cidades o melhor lugar para degustar pratos típicos é nos grandes mercados e, no caso de Budapeste, estamos falando do Mercado Central, situado ao lado da famosa Ponte da Liberdade. Não tem erro!

Você vai ver uns quiosques de comida no piso superior com pratos que custam entre 650-800 florins e o melhor goulash da região, tanto em sopa quanto em estufado, que pode ser acompanhado de uma massa em forma de espiral muito saborosa. No mercado não deixe de provar o Langos, uma espécie de crepe feito com massa de churros, acompanhado de qualquer ingrediente, doce ou salgado.

 

Para aqueles que toleram bem as bebidas alcoólicas: Prove o Palinka se seu estômago for resistente. Mas considere que se trata de um licor de 40˚, parecido à bagaceira, recomendado unicamente para valentes!

 

 

 

“A IBEROSTAR Hotels & Resorts conta com um hotel 5 estrelas em Budapeste: o IBEROSTAR Grand Hotel Budapest localizado em uma região privilegiada e rodeado de importantes edifícios, embaixadas e zonas comerciais. Construído no ano de 2011, seus quartos oferecem um luxo indiscutível. Também dispõe de um completo centro spa para oferecer todo o relax possível.”