A grande presença de aves, especialmente papagaios com suas penas multicoloridas, favoreceram que os índios se especializassem na arte plumária, uma arte com a qual elaboravam e elaboram elementos ornamentais para uso pessoal como, por exemplo, chapéus, diademas ou coroas para danças tribais, mas também para adornar as casas.

Esta arte foi sendo perdida com a passagem dos anos, mas ainda restam índios afastados das povoações mais massificadas que praticam esta arte com maestria. Mas o que prevalece e sobrevive dos índios no artesanato brasileiro é fundamentalmente a arte de fazer colares e braceletes, ou pulseiras que se compõem de pérolas, sementes e ossinhos. A estes antigos materiais se foram adicionando outros novos, como grãos de café e pedras coloridas que se encontram em algumas montanhas do Brasil meridional.

A grande imaginação dos descendentes de africanos terá um modo de representação na escultura de amuletos, chamados figas. O que representam é um punho fechado, no qual sobressai o dedo polegar, símbolo do sexo masculino, e usado contra o mau-olhado. Os descendentes de africanos o adotaram, e é muito difícil encontrar no Brasil um negro que não leve um amuleto pendurado em uma correntinha no pescoço como símbolo de boa sorte.

A mãe natureza dotou-os sempre com extraordinários recursos naturais e os artesãos brasileiros souberam aproveitá-los. Na atualidade as suas obras refletem a cultura do país com desenhos modernos, funcionais e de grande qualidade artística, primordial para o desenvolvimento da cultura brasileira e o bem-estar de milhares de pessoas.

A tudo isto se adiciona o máximo cuidado com o meio ambiente e a peculiaridade de que as obras estão realizadas com materiais reciclados, trabalhadas a mão e uma a uma, o que lhes dá um valor incalculável. A capacidade de observação da realidade e saber interpretá-la de maneira flexível é uma característica presente nos artesãos brasileiros e eles o demonstram em suas obras como as peças cuja madeira provém dos resíduos florestais do Amazonas, preservando a essência do lugar e gerando riqueza para as comunidades do país, ou como os objetos de papel de jornal reciclado criados pela cooperação brasileira de Missão Ramacrisna.

O artesanato do Brasil é uma expressão da origem, cultura e identidade deste povo e uma das manifestações artísticas mais ricas do país. Ainda que possa ser comercializado, o artesanato não é uma mercadoria, porque traz consigo valores, crenças e culturas.

As férias no Brasil estão repletas de encantos. E descobrir o seu artesanato é sem dúvida um deles.

 

“Os hotéis no Brasil de IBEROSTAR Hotels & Resorts levam o turista a viver as emoções mais irresistíveis durante suas férias no Brasil. A excelente localização dos hotéis IBEROSTAR em Salvador da Bahia e o barco hotel Grand Amazon com ponto de atracagem em Manaus constitui uma oportunidade inigualável para ir aos lugares mais belos do país.”